Lucro de 228 empresas da B3 cai no 1T17, diz Economatica

Segundo levantamento divulgado pela consultoria Economática, o lucro líquido de 228 companhias de capital aberto brasileiras no primeiro trimestre de 2017 foi de R$ 30,3 bilhões, queda de 4% em relação ao 1T16.

Para a análise, foram consideradas todas as empresas que apresentaram seus balanços à CVM até meio dia do dia 15 de maio. O estudo foi efetuado sem a Petrobras, Eletrobrás, Vale e Oi, já que a variação do lucro dessas companhias foi muito elevada e distorceria o resultado geral: ao se computar o lucro delas, o lucro de 232 empresas no 1T17 totalizou R$ 43,8 bilhões, alta de 41,8%.

O setor de Bancos (com 18 instituições) foi o que apresentou maior lucro acumulado no período, totalizando R$ 15,4 bilhões, alta de 8,1%. O segundo setor mais lucrativo foi o de Alimentos e Bebidas com R$ 2,08 bilhões (ante lucro de R$ 3,09 bilhões no 1T16).

Em termos gerais, a Vale SA foi a empresa com maior lucro líquido no primeiro trimestre de 2017 com R$ 7,89 bilhões, crescimento de 25% em relação ao mesmo período de 2016. A segunda empresa mais lucrativa foi o ItauUnibanco com R$ 6,05 bilhões.

Somente dois setores registram prejuízo consolidado no 1T17: o de Construção (R$ 216,7 milhões de prejuízo) e o de Comércio (R$ 113,6 milhões de prejuízo).

Saiba Mais

>> Veja o levantamento completo no site da Economatica (PDF)

NOTÍCIAS RELACIONADAS

COE com intermediação atinge mil operações em um mês

19/04/2016 – A implantação do processo de distribuição pública do Certificado de Operações Estruturadas (COE) completou um mês no dia 26 de março. Dados divulgados pela Cetip mostram que durante esses 30 dias foram registradas mil operações. O estoque (montante disponível no mercado) atual do instrumento é de R$ 8,5 bilhões. Ao final de 2015, […]

BM&FBOVESPA divulga balanço de operações de setembro

Em setembro, o segmento Bovespa movimentou R$ 139,23 bilhões, ante R$ 168,37 bilhões, registrados em agosto. A média diária foi de R$ 6,63 bilhões, ante R$ 7,32 bilhões. Foram realizados 18.510.934 negócios, ante 20.201.699 no mês anterior. A média diária de negócios atingiu 881.473, ante 878.335 em agosto. O valor de mercado (capitalização bursátil) das […]