Rentabilidade nominal da poupança é a melhor desde 2006

Segundo estudo divulgado pela consultoria Economatica no dia 11 de janeiro, a rentabilidade nominal da poupança em 2016 foi de 8,30%, valor que não era registrado desde 2006 quando o poupador ganhou 8,40% nominalmente.

A rentabilidade anual da poupança cresceu pelo terceiro ano consecutivo: descontada a inflação (6,29%) medida pelo IPCA em 2016, o ganho real foi de 1,9%, demonstrando que o poupador aumentou seu poder aquisitivo. O resultado foi o melhor desde 2009, quando o poupador teve ganho de 2,63%. A título de comparação, em 2015, a poupança fez o poupador ter perda de poder aquisitivo.

A análise de seis aplicações mostrou que, em 2016, a melhor opção foi a BM&FBOVESPA, que rentabilizou ganho real de 30,72% descontada a inflação. Já a renda fixa representada pelo CDI ficou 7,25% acima da inflação. O pior resultado com valores ajustados pela inflação foi do Euro, que no período perdeu 23,89% de poder aquisitivo, seguido pelo dólar Ptax venda com -21,47% e o Ouro com -17,51%.

Saiba Mais

>> Veja a notícia completa no site da Economatica (PDF)

NOTÍCIAS RELACIONADAS

BM&FBOVESPA divulga balanço de operações de fevereiro

No dia 6 de março, a BM&FBOVESPA divulgou seu balanço de operações de fevereiro. No período, o segmento Bovespa movimentou R$ 165,23 bilhões, ante R$ 144,33 bilhões registrados em janeiro. A média diária foi de R$ 9,17 bilhões, ante R$ 6,87 bilhões. Foram realizados 18.609.157 negócios, ante 18.954.467 no mês anterior. A média diária de […]

CVM emite nota sobre Initial Coin Offering (ICO)

Considerando o avanço das operações conhecidas como Initial Coin Offerings (ICOs), a CVM (Comissão de Valores Mobiliários) emitiu nota em seu site, esclarecendo que está atenta às recentes inovações tecnológicas nos mercados financeiros global e brasileiro. A Autarquia vem acompanhando tais operações e buscando compreender benefícios e riscos associados, seja por meio de fóruns internos, […]