B3 divulga nova versão do Regulamento do Novo Mercado

A B3 informa que, em 05/09/2017, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aprovou nova versão do Regulamento do Novo Mercado, a qual entrará em vigor em 02/01/2018, quando as companhias listadas, seus acionistas, bem como membros da administração e do conselho fiscal (caso instalado) passarão a se sujeitar às novas disposições.

A nova versão do Regulamento, aprovada em audiência restrita realizada pela B3, com alguns ajustes pontuais de redação efetuados por solicitação da CVM, consta no Anexo do Ofício-Circular disponível abaixo.

Informações e esclarecimentos podem ser obtidos com a Superintendência de Regulação e Orientação a Emissores pelos telefones (11) 2565-7003/7004 ou pelo e-mail sre@b3.com.br.

Saiba Mais

>> Veja o Ofício-Circular 061/2017-DP e anexo com nova versão do Regulamento do Novo Mercado divulgados pela B3

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Tesouro e BC planejam aperfeiçoar arcabouço normativo entre as duas instituições

A Secretaria do Tesouro Nacional tem avaliado com o Banco Central a possibilidade de aperfeiçoar o arcabouço normativo que rege o relacionamento financeiro entre as duas instituições. Uma das principais premissas desse trabalho é o aprimoramento do arranjo institucional relativo à distribuição e cobertura dos resultados financeiros do Banco Central, com atenção especial aos fluxos […]

Extrato do Registro de Informações no Banco Central fica mais completo e acessível

O Extrato do Registro de Informações no Banco Central, o Registrato, ficou mais completo e acessível. O Registrato permite que clientes de bancos e demais instituições autorizadas pelo BC tenham acesso a informações pessoais sobre seus relacionamentos com o sistema financeiro (SFN), sobre empréstimos tomados, as contas e as operações de câmbio contratadas. A novidade fica por conta do assistente […]

Nova deliberação agiliza análise de OPAs

O Colegiado da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) delegou competência à Superintendência de Registro de Valores Mobiliários (SRE) para apreciar pedidos de dispensa ou de aprovação de procedimento e formalidades próprios a serem seguidos em ofertas públicas de aquisição de ações (OPAs), previstas na Instrução CVM 361. A área técnica também poderá autorizar a realização […]