Regulação do Equity Crowdfunding é proposta em audiência pública

A minuta de instrução sobre o investment-based crowdfunding foi colocada em audiência pública no dia 8 de agosto, pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). O documento diz respeito à oferta pública de distribuição de valores mobiliários de emissão de empreendedores de pequeno porte, realizada com dispensa de registro na Autarquia e através de plataformas eletrônicas de investimento participativo na internet.

Com a minuta, as empresas com receita bruta anual de até R$ 10 milhões (denominadas “empreendedor de pequeno porte”) podem realizar ofertas por meio de financiamento coletivo com dispensa automática de registro de oferta e de emissor na CVM. O objetivo é alcançar empresas em estágio de desenvolvimento de ideias, protótipos ou provas de conceito, assim como startups em etapas mais avançadas de seus negócios.

A proposta é que o limite de recursos das ofertas de investment-based crowdfunding seja fixado em até R$ 5 milhões por ano. A captação poderá ser feita em uma ou mais ofertas realizadas em um dado ano. Para garantir a proteção do investidor, este tipo de oferta somente poderá ser realizado através de plataformas registradas na Autarquia.

Saiba Mais

>> Leia a notícia na íntegra no site da CVM

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Receita publica novos esclarecimentos sobre regularização de ativos no exterior

A Receita Federal divulgou mais cinco esclarecimentos relativos ao Regime Especial de Regularização Cambial e Tributária de recursos, bens ou direitos de origem lícita, não declarados ou declarados incorretamente, remetidos, mantidos no exterior ou repatriados por residentes ou domiciliados no País (RERCT). Visando dar mais clareza ao tema, o órgão atualizou a seção “Perguntas & […]

CVM divulga ofício sobre credenciamento de analista de valores mobiliários pessoa jurídica

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) divulgou o Ofício Circular CVM/SIN/n°5/2018, direcionado aos analistas de valores mobiliários e às entidades credenciadoras. O documento apresenta cronograma com seis etapas sobre o processo de adaptação à Instrução CVM 598 (editada em 04/05 2018) e que passou a regular a atividade de análise de valores mobiliários. De acordo com o […]