Ilan Goldfajn assume presidência do Banco Central

Ilan Goldfajn, novo presidente do Banco Central, tomou posse na última quinta feira, 9 de maio. Ele substitui Alexandre Tombini, que estava no comando da instituição desde 2011. A nomeação de Goldfajn e a exoneração de Tombini foram publicadas na edição do Diário Oficial da União. Tombini, indicado para o cargo durante o mandato da presidente afastada Dilma Rousseff, assumirá a representação do Brasil no Fundo Monetário Internacional (FMI).

Goldfajn informou que buscará cumprir plenamente a meta de inflação estabelecida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), mirando o seu ponto central de 4,5%.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Ministério da Economia eleva limite de valor para julgamentos em sessões não presenciais e autoriza realização de julgamentos de representação em sessão virtual

Por meio da Portaria ME 7.406, de 28/06/2021, o Ministério da Economia elevou temporariamente, o limite de valor para julgamentos de recursos em sessões não presenciais pelo Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, e autorizou a realização de julgamento de representação de nulidade em sessão virtual. Saiba mais no link abaixo: Portaria ME nº 7.406, de 28 de […]

Banco Central terá novo presidente

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, informou no dia 17 de maio que o economista Ilan Goldfajn será o novo presidente do Banco Central, sendo responsável pela coordenação da política monetária e cambial. Agora o nome deverá ser aprovado pelo Senado. Na ocasião, Meirelles revelou a proposta de incluir na Constituição a autonomia técnica decisória […]