CRA de varejo pode entrar em discussão em maio; Fidc e CRI também mudam

Em maio, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) deve colocar em audiência pública as regras para as emissões de Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA). Entre as mudanças, a regulamentação deve permitir a oferta de CRA para o varejo. A expectativa é que as alterações sejam analisadas e aprovadas pela CVM até o fim deste ano.

Os CRAs são papéis emitidos por empresas, garantidos por créditos a receber de companhias do agronegócio. Se o emissor não pagar, há a garantia dos recebíveis das empresas agrícolas. Atualmente, somente investidores qualificados, com mais de R$ 1 milhão para investir, podem comprar CRAs, o que deixa de fora os pequenos investidores.

Além dos CRAs, a CVM planeja mudanças nas regras dos Fidcs (Fundos de Investimento em Direitos Creditórios), com ajustes pontuais na Instrução 356 ainda este ano, e uma reformulação das regras dos CRIs (Certificados de Recebíveis Imobiliários), que deve ocorrer no ano que vem.

Saiba Mais

>> Veja a notícia completa no site Arena do Pavini

NOTÍCIAS RELACIONADAS

CVM edita Instrução 583 sobre agente fiduciário

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) editou, no dia 20 de dezembro, a Instrução 583 que revoga a Instrução 28. A nova norma passa a regulamentar o exercício da função de agente fiduciário no âmbito das distribuições públicas de debêntures, certificados de recebíveis imobiliários (CRIs), certificados de recebíveis do agronegócio (CRAs) e notas promissórias de […]

Alterações para Programa de Distribuição de Valores Mobiliários entram em audiência pública

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) colocou em audiência pública a minuta referente ao Programa de Distribuição de Valores Mobiliários, mecanismo que não tem sido utilizado pelo mercado. O objetivo da ação é permitir que o Programa de Distribuição volte a funcionar como mecanismo de facilitação à realização de ofertas por emissores frequentes. Na minuta, […]

BC divulga nova resolução sobre depósito de garantias no exterior

O Banco Central (BC) divulgou a resolução nº 4.569, de 26/5/2017, sobre o depósito de garantias no exterior para aplicações de investidores não residentes no Brasil nos mercados financeiro e de capitais no país, cursadas no âmbito de câmaras e prestadores de serviços de compensação e liquidação. A nova norma alterou a Resolução nº 4.373, […]