BC divulga Relatório de Estabilidade Financeira

O Banco Central (BC) divulgou o Relatório de Estabilidade Financeira (REF) referente ao primeiro semestre de 2017. A publicação tem como objetivo apresentar o panorama e as perspectivas para a estabilidade financeira no Brasil.

O relatório destacou que o primeiro semestre de 2017 foi marcado por aumentos trimestrais do PIB após dois anos de recessão, recuo do índice de inflação anual ao menor nível dos últimos 10 anos, redução da taxa básica de juros e interrupção no crescimento do desemprego.

Confira a seguir algumas das constatações do REF:

  • O sistema bancário tem apresentado robustez em relação à capitalização e alavancagem, o que favorece a transição equilibrada para as regras prudenciais de Basileia III. A liquidez permanece elevada tanto em análises suportadas por indicadores internos quanto por recomendações internacionais.
  • Os testes de stress mostram que, em relação aos dois últimos semestres, houve aumento da resiliência para absorver choques, com redução da necessidade de capital na simulação de condições macroeconômicas desfavoráveis.
  • Riscos globais que poderiam afetar a estabilidade financeira no Brasil não se cristalizaram. No semestre anterior, havia preocupação com a possibilidade de o Federal Reserve (Fed) acelerar o ritmo de altas das taxas de juros de curto prazo com impacto no financiamento para países emergentes (PE). Essa percepção de risco reduziu-se com a manutenção de inflação baixa nos países avançados, assim como após o anúncio de regras para a redução gradual do balanço do Fed.

Saiba Mais

>> Veja a notícia completa no site do BC

>> Veja a Íntegra do Relatório de Estabilidade Financeira

NOTÍCIAS RELACIONADAS

BC divulga Relatório de Estabilidade Financeira

12/04/2016 – O Banco Central (BC) divulgou, no dia 7 de abril, o Relatório de Estabilidade Financeira (REF) referente ao segundo semestre de 2015. A publicação tem foco no risco sistêmico e apresenta os principais resultados das análises sobre o Sistema Financeiro Nacional. O documento aborda a dinâmica do mercado, as perspectivas e o grau […]

Governo projeta alta no PIB em 2017 e 2018

O governo apresentou a revisão dos parâmetros macroeconômicos. A projeção do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) para 2018 passou de 2% para 3%, o IPCA de 4,2% para 4% e o câmbio ficou mantido em R$ 3,3. Segundo o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, a projeção do PIB para 2018 de 3% é conservadora […]

Ilan Goldfajn assume presidência do Banco Central

Ilan Goldfajn, novo presidente do Banco Central, tomou posse na última quinta feira, 9 de maio. Ele substitui Alexandre Tombini, que estava no comando da instituição desde 2011. A nomeação de Goldfajn e a exoneração de Tombini foram publicadas na edição do Diário Oficial da União. Tombini, indicado para o cargo durante o mandato da […]